EconomiaPolítica

Ministro da Infraestrutura destaca para Eduardo Braga avanços nos aeroportos e portos do interior amazonense

O acesso seguro dos cidadãos aos municípios amazonenses – uma das demandas frequentes do senador Eduardo Braga (MDB/AM) junto ao Governo Federal – tem registrado avanços, segundo o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. Em live transmitida na quarta-feira (24/06), por meio das redes sociais do parlamentar, o titular da pasta destacou uma série de empreendimentos já em andamento ou prestes a serem iniciados.

Questionado sobre melhorias na aviação regional, o ministro informou que, a partir de julho, serão retomados voos para o interior, assim como os projetos de execução da Comissão de Aeroportos da Região Amazônica (Comara), vinculada à Força Aérea Brasileira (FAB), em Boca do Acre, Maraã, Lábrea, Manicoré, Barcelos, Carauari, Parintins e Coari.

Em Coari, segundo Freitas, haverá uma “remodelagem completa”, que contará com R$ 65 milhões de investimento, um dos maiores aportes já registrados na aviação regional do país. “Iniciamos um transporte grande de material para a região. Será um novo aeroporto, com intervenção em pista, pátio e terminal”, detalhou.

Itacoatiara e Maués também terão aeroportos modernizados, afirmou o ministro. “Uma das nossas linhas de ação é passar para a Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária) a responsabilidade pelo projeto de engenharia dessas unidades para ganharmos tempo e usarmos com mais velocidade os recursos do FNAC (Fundo Nacional de Aviação Civil)”, explicou. 

Portos – Na área portuária, o ministro revelou que foi liberado, nesta semana, um flutuante para atender os usuários do município de Lábrea enquanto o processo para a construção do porto definitivo é encaminhado. A demanda foi apresentada a Freitas por Eduardo, pelo deputado federal Átila Lins (PP/AM) e pelo prefeito Gean Barros.

“Lábrea estava sem condições de operar com um terminal de madeira apodrecido. Esse porto será estratégico para a região do Médio e Alto Purus, pois terá como uma das funções abastecer Pauini, Canutama e até mesmo Boca do Acre”, disse o senador amazonense.

Na ocasião, Eduardo agradeceu a conclusão do porto na comunidade Vila Amazônia, em Parintins, e os avanços para a construção de uma unidade portuária em Barcelos, cuja licitação já foi concluída sob a supervisão do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes).

Empenho – Ainda na live, Freitas salientou o empenho do parlamentar amazonense para destravar as obras dos portos e aeroportos do interior do Estado, além das intervenções necessárias à BR-319, que liga Manaus (AM) a Porto Velho (RO).

Eduardo ressaltou que a experiência do ministro na Amazônia tem sido fundamental para dar agilidade às obras e aos empreendimentos da pasta na capital e nas demais cidades amazonenses. “A vantagem do ministro Tarcísio, em relação aos antecessores, é que ele conhece a realidade do interior da Amazônia. Ele consegue sentir o sofrimento do cidadão diante da falta de itens essenciais, como um porto”, disse o senador.

“O senhor tem brigado muito pela infraestrutura do Amazonas. Tem vindo várias vezes ao ministério, sempre trazendo pleitos e buscando soluções. Temos feito um bom trabalho em conjunto e conseguido resolver uma série de problemas”, afirmou Tarcísio, que morou ao longo de seis anos no Estado e participou ativamente da construção do gasoduto Urucu-Coari-Manaus como oficial do Exército. “O Amazonas deve se orgulhar da sua bancada no Congresso, em especial da sua atuação”, completou.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um Comentário

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios