Curiosidade

Irã confessa ter atirado míssil em avião da Ucrânia, matando 176

Uma declaração dada pela TV estatal iraniana admtiu que os militares do país foram os responsáveis pelo disparo de um míssil em um avião comercial ucraniano que foi destruído, matando 176 pessoas. De acordo com as informações, o ataque foi um "erro humano", visto que a aeronave estaria sobrevoando um "local sensível".

Após ter negado veementemente ter parte na tragédia, o Irã assumiu a responsabilidade pelo ataque, confirmando o que países como Canadá e Reino Unido já vinham afirmando. Ainda ontem (11), um vídeo que mostra um míssil atingindo o avião abatido foi divulgado na internet.

O comunicado veiculado na TV estatal do Irã afirma que as partes envolvidas no ataque serão identificadas e devidamente punidas. O acidente ocorreu na madrugada da última quarta-feira (08) em meio às tensões entre Irã e Estados Unidos. Após o assassinato do general Qassem Soleimani em um ataque militar americano em solo iraquiano, o Irã retaliou atacando diversas bases dos EUA na região.

O voo da companhia Ukraine Airlines havia acabado de decolar da capital Teerã e deveria pousar em Kiev, na Ucrânia, caso não tivesse sido atingido pelo míssil. Entre as 176 vítimas, além de ucranianos, havia iranianos, canadenses, britânicos e suecos.

Colabore com o autor

Para enviar uma sugestão é necessário entrar com seu Facebook

Fonte: Mega Curioso

Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe um Comentário

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
%d blogueiros gostam disto: