Fecani pretende reunir 200 mil pessoas; prêmio principal será de R$ 18 mil (Premiação Geral Total de R$ 123.450,00)

Em sua 33ª edição, o Festival da Canção de Itacoatiara (Fecani) está na fase de pré-seleção das canções que irão concorrer durante o evento, realizado no município a 176 quilômetros a leste da capital. A festa, que é organizada pela Associação dos Itacoatiarenses Residentes em Manaus (Airma), será realizada nos dias 5, 6, 7 e 8 de setembro e, de acordo com a organização, espera receber 200 mil pessoas, ao longo dos quatro dias. “O festival deste ano foi muito bem discutido e promete ser o retorno do Fecani como um grande evento”, disse Manolo Olímpio, um dos organizadores.

Ao todo, mais de 300 canções foram inscritas, sendo que, deste total, somente 34 serão selecionadas. “As músicas serão escolhidas por professores e maestros da Escola de Música da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e o resultado deve ser divulgado até sexta-feira (17). Todas as composições serão ouvidas sem que o nome do autor seja divulgado, para que não exista nenhum tipo de influência no resultado”, explicou Rogério Pimenta, também organizador do festival.

Segundo Pimenta, o prêmio para a Melhor Música será de R$ 18 mil. “As apresentações das canções acontecerão nos dias 5 e 6, 14 músicas em cada um dos dias. No dia 8, ocorrerá a finalíssima com uma semifinal e uma final, onde cinco canções irão concorrer ao prêmio principal. Ainda premiaremos o segundo e o terceiro lugar, além de Melhor Intérprete e Melhor Letra. O Fecani é um festival que contempla dois tipos de música: boa ou ruim. Não existe essa questão de ritmo, contanto que tenha qualidade musical e atenda o regulamento”, salientou.

A escolha da música campeã será feita por um corpo de jurados que, geralmente, conta com integrantes de fora de Manaus e que ficam isolados em um hotel, para que a lisura do evento seja garantida. “Além disso, temos o ‘Itacantando’, um festival dentro do Fecani dedicado apenas à artistas de Itacoatiara”, lembrou ele.

Para a edição deste ano, a Airma selecionou três atrações nacionais: Jorge Aragão (dia 6), Grupo Revelação (dia 7) e Frejat (dia 8), além de 22 shows locais com as presenças de David Assayag, Uendel Pinheiro, Arlindo Jr., Luso Neto, Cileno, Didi Andrade, entre outros. “O mais importante é valorizar as músicas autorais. Temos uma gama de gente boa fazendo música e não tem a oportunidade de aparecer. Todos os anos, nos surpreendemos com o nível dos artistas e esperamos manter isso este ano”, finalizou Pimenta.

Mostre mais

Deixe seu Comentário

Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios