Cidades

Defensoria do Polo do Madeira realiza mais de 100 atendimentos no município de Apuí

Mais de 100 atendimentos jurídicos foram realizados no município de Apuí, integrante do Polo do Madeira da Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM), no período de 19 a 23 deste mês. Apuí fica distante a 12 horas de viagem de ônibus do município sede do polo.

De acordo com a defensora pública Stéfanie Sobral, que fez os atendimentos em Apuí, foram oferecidos vários tipos de atendimentos à população local. “Além dos casos agendados da Semana pela Paz em Casa, fizemos atendimento ao público em geral. Na oportunidade, também participei de audiência pública na Câmara dos vereadores para tratar de assuntos relacionados à falta de energia elétrica na cidade de Apuí, especialmente os danos ocasionados pelas constantes quedas de energia”, explicou a defensora. Na audiência, houve a participação de cerca de 70 pessoas.

A defensora aproveitou o convite para uma entrevista em rádio local para dar orientações à população sobre como buscar ressarcir seus direitos relacionados às quedas constantes no fornecimento de energia elétrica. “Orientamos, na questão da energia, que quando houver perdas materiais de equipamentos, o usuário deve buscar a empresa para ressarcir os danos sofridos, mas se não houver resposta, deve procurar a DPE para buscar resolver a questão”, explicou Stéfanie, lembrando os prazos dados pela legislação para a empresa se manifestar.

A defensora incentivou os usuários a buscarem a Defensoria Pública caso não obtenham resposta aos pedidos de ressarcimento dos danos causados pela interrupção no fornecimento de energia.
Stéfanie realizou também inspeção carcerária na Delegacia da Polícia Civil da cidade, onde ouviu quatro presos e fez encaminhamentos e também visitou o Conselho Tutelar para ouvir demandas e estabelecer um contato direto com os conselheiros.

A defensora participou ainda de reunião na Coordenadoria Estadual de Educação do município, com a presença de cerca de 30 pais de alunos, quando houve discussão sobre falta de professores, entre outros assuntos.

O Polo do Madeira da Defensoria Pública do Estado presta atendimento jurídicos aos moradores dos municípios de Humaitá, Nova Olinda do Norte, Borba, Novo Aripuanã, Manicoré e Apuí. A sede está situada no município de Humaitá, na rua Circular, 933, bairro Novo Centenário.

Tags
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar