Xiaomi vai ter preços mais altos em Espanha e na Europa

0
56

A poucos dias de entrar oficialmente no mercado espanhol a Xiaomi prepara a subida dos seus preços. Esta diferença para os preços praticados na China era de esperar e aconteceu anteriormente quando a marca entrou de forma oficial noutros mercados como o mexicano.

Depois de no início do ano o antigo número 2 da Xiaomi ter afirmado que as margens de lucro da marca eram bastante reduzidas, a entrada na Europa obrigará a “Apple chinesa” a cumprir um leque mais alargado de exigências. A inflação dos preços não deverá fazer descer o interesse nos produtos, o que originará é a aproximação a propostas de concorrentes mais conhecidos no mercado europeu.

Entre os custos que a Xiaomi terá de suportar estão parcelas várias como o pagamento de taxas e impostos, transportes, custos com lojas físicas e equipas de suporte. De parte não pode ficar também o peso da garantia de dois anos que terá de oferecer a todos os compradores de novos artigos.

A partir daqui, e apesar dos preços subirem, os consumidores de produtos da Xiaomi ficam protegidos por melhor sistema de garantias, serviço de assistência técnica mais próximo e maior facilidade de aquisição. Face aos equipamentos importados há a salientar também o encurtamento do prazo de transporte e de entrega.

Se desde há algum tempo que havia produtos da Xiaomi à venda em lojas portuguesas (Worten e PCDiga entre as mais conhecidas) a preços bastante mais elevados é natural que a marca os consiga fazer descer por via da sua presença oficial.

Veja também…

Deixe o seu comentário

https://www.maistecnologia.com/xiaomi-vai-ter-precos-altos-espanha-na-europa/

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta