Dando prosseguimento à Operação GUARANÍ, iniciada no dia 21 de março, em consonância às diretrizes repassadas pelo comandante do 11º Batalhão TC Luiz Alberto Navarro, o policiamento está sendo reforçado por meio de blitz de trânsito e fiscalização nas principais avenidas e cumprimentos de mandados de prisão, de busca e apreensão, entre outras atividades.

“Essa operação que vem apresentando números satisfatórios na redução dos índices de criminalidade, não tem prazo para encerrar. Desde o inicio das ações, policiais do 11º BPMatuam diuturnamente no combate ao tráfico, furtos e assalto à mão armada”, frisou o comandante do 11º BPM, Tenente coronel Navarro. Ele informou ainda que o objetivo é colocar todo o efetivo na rua para combater de forma enérgica a criminalidade no município e levar a sensação de segurança para a população de bem.

Vários populares que passavam pelo local na tarde de hoje (3/4) pararam para assistir a operação, que ocorreu por volta das 15h, e aplaudiram a atitude do comando do 11º BPM.

“Se fizerem isso mesmo, vai ser muito bom para a cidade. Nós precisamos é disso mesmo, de mais polícia na rua, de mais ação contra essa bandidagem. Acho que assim eles (militares) conseguem inibir a ação desses ladrões que estão agindo hoje em Parintins. Só não pode é fazer uma semana só e parar, né, tem que fazer hoje e continuar”, disse o comerciante João dos Santos.

OPERAÇÃO GUARANÍ:

A operação Guarani completa 14 dias e segue sem data para términar. Segundo a assessoria de comunicação do 11º Batalhão, o objetivo é proporcionar maior sensação de segurança aos moradores, especialmente nos bairros, nos quais a PM percebeu a necessidade de maior presença da polícia ostensiva.

P5 do 11º Batalhão – CPR LESTE.

parintinsnoticias.com/

https://www.ojornaldailha.com/operacao-guarani-entra-na-segunda-semana-no-combate-a-criminalidade-e-ganha-apoio-da-populacao/

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta