Da Redação / redacao@diarioam.com.br

Leão Braúna morreu em janeiro deste ano. Ele ocupava a presidência do Holanda (Foto: Anderson Silva/Divulgação Sejel)

Manaus – Um futebol que reúne amigos e boas lembranças. Assim vai ser a 1ª edição da Copa Leão Braúna de Ex-atletas do Futebol de Base do Amazonas. Segundo a Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), a competição que homenageia o ex-treinador amazonense, falecido no início deste ano, terá 12 equipes, 71 jogos e mais de 300 jogadores.

Marcado para iniciar dia 29 de julho, o torneio organizado pela Liga Regional da Amazônia (Lirdam) atraiu equipes tradicionais do futebol local como: São Raimundo, Nacional, Sul América, América, Fast, Tarumã, Cliper, Libermorro, Rio Negro e Cepe e os emergentes Grêmio Iranduba e Comercial. Nos moldes de uma competição oficial, a temporada ainda contará com o Torneio Início, no dia 23 de julho, no Estádio da Colina, no São Raimundo.

Empolgado com o reencontro dos amigos do futebol do Amazonas, o ex-meia-atacante do São Raimundo na Série B do Brasileiro, Antônio Alex vestirá a camisa do Rio Negro na competição.

“O bom de tudo isso é rever os amigos, que na maioria das vezes passávamos o tempo juntos, até mais que do que na nossa própria casa. Encontrar o pessoal, que há mais de sete anos não vejo, vai ser muito bacana. Vai ter muita resenha (risos)”, comentou Alex, lembrando da importância dos trabalhos realizados pelo ex-treinador Leão Braúna.

“Sempre converso com os amigos que só deixamos para homenagear as pessoas depois que partem. Infelizmente ele partiu e essa copa, essa homenagem, é mais que merecida”, disse Alex, que já fez parte da Seleção Brasileira Sub-15.

Sempre lembrado com carinho pelo torcedor amazonense, o Libermorro vai voltar a desfilar a camisa verde e branca pelos gramados da capital. Afastado há mais de uma década do futebol profissional, o Tigrão, inclusive, já pensa em um breve retorno para o futebol profissional.

“Vamos representar o Libermorro da melhor maneira possível. Vamos tentar o melhor de nós, para que façamos o melhor campeonato. Queremos ressuscitar o nosso passado, o do futebol, que sempre era difícil. Antes, tínhamos só o (Estádio Vivaldo Lima) Vilvadão e, agora, temos vários estádios. Vamos relembrar os bons momentos do passado com os amigos. Estamos voltando e estamos com um projeto para voltar a jogar o profissional e queremos voltar em grande estilo”, comentou o responsável pelo clube na competição e ex-jogador, Amarildo Pinto, que defendeu o clube na década de 1990, antes da passagem pelo futebol europeu.

O post Com mais de 300 jogadores, Copa homenageia Leão Braúna apareceu primeiro em D24am.

Fonte: http://d24am.com/esportes/futebol/com-mais-de-300-jogadores-copa-homenageia-leao-brauna/

SEM COMENTÁRIO

Deixe uma resposta