Benefícios suspensos podem ser reativados no Amazonprev

0
72

Manaus – Os aposentados e pensionistas do governo do Estado que tiveram o benefício suspenso no mês de outubro/2017 por falta de recadastramento (de janeiro a julho) junto à Fundação Amazonprev, caso atualizem os dados até 7 de novembro, terão o pagamento do benefício restabelecido, em folha especial, no dia 17 do mesmo mês e ano.

Para os que atualizarem os dados cadastrais após o dia 7 de novembro, o benefício será pago na folha do mês subsequente.

A lei estabelece que os aposentados e pensionistas devem atualizar os dados cadastrais, anualmente, no mês de aniversário (Foto: Divulgação)

A Lei Complementar nº 30/2001 estabelece que os aposentados e pensionistas devem atualizar os dados cadastrais, anualmente, no mês de aniversário, de forma a garantir o pagamento do benefício previdenciário.

Anualmente, a Amazonprev realiza campanhas convocando por meio de jornais, rádio e no próprio site da instituição (www.amazonprev.am.gov.br) os pendentes de recadastramento.

Este ano, a campanha iniciou em 19 de abril e terminou em 29 de setembro, ficando pendentes de recadastramento em torno de 1.554 segurados (sendo 1.057 na capital, 403 no interior e 94 em outros Estados) que aniversariaram entre os meses de janeiro a julho.

Para a atualização cadastral dos aposentados e pensionistas da capital, o recadastramento deve ser feito na sede da Amazonprev (Avenida Visconde de Porto Alegre, 486, Centro) de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Já para os que residem no interior, a atualização dos dados pode ser feita nas unidades da Seduc localizadas em seus municípios.

Residentes em outros Estados, devem acessar o site www.amazonprev.am.gov.br, imprimir e preencher formulário de Recadastramento, com assinatura reconhecida em cartório, enviando para o endereço da Amazonprev através dos Correios.

O recadastramento feito por procuradores, além da documentação do segurado, deve ser apresentada a procuração registrada em cartório com prazo de validade de seis meses.

http://d24am.com/economia/beneficios-suspensos-podem-ser-reativados-no-amazonprev/

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta