Barezão Feminino inicia com goleada de Penarol em cima do São Raimundo

0
101

A Arena da Amazônia recebeu durante toda a tarte deste sábado, 23, o Campeonato Amazonense de Futebol Feminino. Emoção foi a palavra de ordem para o pontapé inicial do Estadual, que reuniu mais de 700 pessoas. No primeiro jogo do dia, às 15h, Penarol venceu o São Raimundo pelo placar elástico de 14 a 0, enquanto que o embate mais esperado, entre Iranduba x 3B, apresentou uma partida disputadíssima, em que prevaleceu o desempenho da equipe estreante na competição, ao marcar 1 a 0 em cima das Guerreiras do Hulk.

Com apenas 12 jogadoras à disposição, o 3B entrou com tudo para a partida e mostrou que não veio o passeio. O Iranduba, que vem atrás do heptacampeonato e que conquistou a façanha de vencer quatro estaduais invictos, teve que engolir a estreia frente a um placar não favorável. As Guerreiras do Hulk durante os 45 minutos, mais os nove minutos de acréscimo, bem que tentaram balançar a rede, mas a goleira Kemelli, já conhecida do time que representa o interior do Amazonas, fez muito bem se trabalho e a bola, por sua vez, insistia em não entrar.

O estreante 3B venceu o hexacampeão Iranduba/Foto: Anderson Silva/Sejel

O primeiro tempo terminou tudo igual. O segundo, porém, começou com sustos para o Iranduba. Aos oito minutos, a camisa 11, Carla Nunes, ficou livre frente a goleira do Hulk, Rubi, e não desperdiçou a chance: encheu para a Fera da Aparecida, que comemorou seu primeiro gol pela temporada. A façanha também marca o primeiro gol de um Estadual feminino na Arena da Amazônia. Até então, nenhum Amazonense havia sido disputado no Estádio que foi de Copa do Mundo.

Para o comandante do 3B, Marcelo Frigerio, a cumplicidade das meninas fez a diferença e a vontade de devolver o carinho recebido ajudou na garra dentro de campo. “São jogadoras experientes, o que me preocupava mais era o físico delas e elas jogaram com amor a camisa e amor foi o que elas encontraram aqui. O 3B está tratando muito bem elas, pois elas comem bem, dormem bem, se alimentam bem e eu bati muito nesta tecla. O melhor sentimento do mundo é ter gratidão pelo o que as pessoas fazem pela gente e isso foi uma das coisas que mais ajudou elas. Eu senti no ambiente uma atmosfera e um ambiente promissor, de união e de hombridade e caráter. Fiquei muito feliz com o que eu vi aqui”, disse técnico.

A zagueira Sorriso, que até então era jogadora do Iranduba, parece ter ficado bem à vontade com a nova casa. Além da boa performance, destacou que a sede de vitória vai continuar para as próximas partidas.

“A gente sabia que seria um jogo difícil, pois tivemos pouco tempo de treino e colocamos em prática tudo o que a gente treinou nesses dois dias. A equipe, o grupo, a diretoria está de parabéns pela força que tivemos e a gente vai com tudo nas próximas”, frisou ela, que foi vista como um dos grandes nomes na defesa do Verdão.

Penarol venceu o São Raimundo de 14 a 0/Foto: Anderson Silva/Sejel

Para o titular da Sejel, Fabricio Lima, presente na competição, a estreia do Estadual na Arena da Amazônia não poderia ter sido melhor. “O público, que sempre foi muito tímido no Estadual Feminino, parece que começa a escrever uma nova história com esta competição e isso é ótimo para o esporte. Além disso, a partida entre Iranduba e 3B movimentou muito, foi bonita, disputada e promete ser um grande espetáculo da temporada”, disse.

Fato curioso

No apito final, uma cena curiosa surpreendeu a equipe do Iranduba. O presidente do 3B, Bosco Brasil, pegou um abacaxi, correu até à frente do banco de reservas e jogou a fruta, que se despedaçou. A atitude, segundo o comandante, foi para devolver um comentário do diretor de futebol do Iranduba, Lauro Tentardini. Se a ação levou a torcida do 3B à loucura, a mesma não foi tão aprovada para o técnico das Guerreiras, Adilson Galdino.

“Não precisa levar para este lado, pois aqui tem criança, tem pai de família, tem pessoas que vem para torcer. Não há necessidade. Mas falando do jogo, a partida foi bem disputada, as meninas com passe definido, porém tivemos dificuldades, e as chances que tivemos de gol, não fizemos. Eu não vejo nenhum defeito no jogo de hoje, a partida foi muito igual, as meninas do outro time estavam bem cansadas, e a gente tentou criar, mas sempre com bola na trave, goleira defendendo. Achei também que nervosismo apareceu, mas depois passou”, considerou.

Gols do Penarol e pontos

Pelo Penarol, partida de estreia do Estadual, os gols foram marcados por: Nilda (3), Carlinha (2), Paulinha (2), Ju (1), Irlen (2), Késia (2), Rosiane (1) e Raíssa (1). Com o resultado, o time soma três pontos, assim como o Iranduba.

Comentários

comentários

https://correiodaamazonia.com/barezao-feminino-inicia-com-goleada-de-penarol-em-cima-do-sao-raimundo/

COMPARTILHAR

Deixe uma resposta